Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

previous arrow
next arrow
Slider

RENNDA – Registo Nacional de Não Dadores

Todos somos possíveis dadores de órgãos. Mas se não desejar que os seus órgãos sejam usados para transplante quando falecer, a Lei assegura que a sua vontade é respeitada: só tem de se inscrever no Registo Nacional de Não Dadores (RENNDA). O RENNDA foi criado com o objetivo de viabilizar um eficaz direito de oposição à dádiva, assegurando e dando consistência ao primado da vontade e da consciência individual nesta matéria.

Os formulários de inscrição, e toda a informação de que necessitar, estão à sua disposição nos Centros de Saúde e nas Lojas do Cidadão (Balcões do Ministério da Saúde). A inscrição no RENNDA não lhe retira quaisquer direitos como utente do Serviço Nacional de Saúde, nem o direito a beneficiar de um transplante. Após a inscrição, que pode anular se mudar de opinião, o Ministério da Saúde envia-lhe o seu cartão de não dador.

 

  • O que é o RENNDA?

O Registo Nacional de Não Dadores, é um registo informatizado que permite que qualquer cidadão nacional ou estrangeiro com residência permanente, manifeste a sua indisponibilidade para a dádiva de órgãos e tecidos post mortem.

  • Quem pode inscrever-se no RENNDA?

Qualquer cidadão nacional, ou estrangeiro com residência permanente em Portugal com mais de 18 anos pode efetuar a sua inscrição no RENNDA. É igualmente permitida a inscrição de menores e incapacitados, devendo esta ser efetuada pelos representantes legais.

  • Onde pode ser feita a inscrição?

A inscrição no RENNDA é feita mediante a entrega do impresso criado para o efeito em qualquer Unidade do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES), que não obrigatoriamente na unidade da área de residência do utente.

O Instituto Português do Sangue e da Transplantação, IP (IPST,IP) envia regularmente a todos os serviços habilitados a efetuar inscrições impressos e envelopes próprios, podendo, sempre que necessário, solicitar mais impressos e envelopes através do endereço de correio eletrónico transplantacao@ipst.min-saude.pt.

  • Onde pode ser consultada informação sobre doação, colheita e transplantação de órgãos e tecidos?

No site do Instituto Português do Sangue e da Transplantação,IP (www.ipst.pt) está disponível informação sobre doação colheita e transplantação de órgãos. Poderá ser solicitada informação adicional / esclarecimentos através do endereço de correio eletrónico transplantacao@ipst.min-saude.pt.

Para mais informações consultar:Procedimentos nas Unidades de Saúde dos Cuidados de Saúde Primários e regras para preenchimento do formulário – Instituto Português do Sangue e da Transplantação,IP, julho de 2014

Fonte: Instituto Português do Sangue e da Transplantação, IP

Voltar
RSE - Area Cidadão
Sed elit. justo commodo efficitur. quis, libero neque. suscipit non